quarta-feira, 6 de maio de 2009

O Tempo Realmente Passa...

A um ano atrás eu estava extremamente feliz...

“Relembrando”

Na madrugada desse dia eu não dormi direito, na verdade eu já não dormia direito algumas semanas, mas essa madrugada eu não conseguia parar de pensar...
Até que quando foi umas 4 da madrugada eu acabei pegando no sono, por cansaço, e acordei umas 10 da manha
Minha mãe tinha falado pra tia Ceile vir fazer arroz pra mim e fritar uma bife de fígado, eu odeio bife de fígado, mas eu estava com anemia e falam que faz bem... e eu precisava estar de jejum a partir do meio-dia.
Então eu almocei... logo quando foi umas 13 o Edu chegou aqui em casa e então ele foi almoçar, e eu morrendo de vontade de comer... fora que na geladeira tinha uma torta de morango pela metade e se eu não comesse ia estragar... mas eu não podia, só pra ter uma noção uma semana antes eu tinha feito dois bolos de fubá e comido tudo sozinha...
Mas enfim... eu já tinha arrumado tudo o que precisava e esta só ansiosa e esperando. Eu tinha que estar lá por volta das 17, 18... então saímos daqui as 15... Mas eu me esqueci do transito básico da cidade de São Paulo... hunf... Pé enchado, fome, falta de ar, ansiedade e pra ajudar transito naquela avenida Paulista.
Chegamos e minha mamãe querida já estava nos esperando... então abrimos a ficha, que demorou um pouquinho e finalmente fomos conhecer nosso quarto.
Era grande com 3 ambientes e banheiro... Adorei...
Logos umas enfermeiras vieram me examinar e preencher algumas fichas.
Nisso estávamos no quarto eu, Edu, mãe e chegou também o César...
Enquanto minha mãe foi fumar e o César saiu pra fazer uma ligação a enfermeira foi me buscar de cadeiras de rodas... Nossa cada vez tava mais perto da minha vida mudar completamente.
Fui para uma sala de espera e logo depois fui fazer uns exames de sangue.
E depois de algum tempo de espera a enfermeira me levou...
E lá chegando, estava a Doutora Ana Maria e um amigo dela que iria ajudar o Doutor Donato... Um anestesista e uma enfermeira.
Meu maior medo sempre foi da anestesia sabia ??? Sei lá, a idéia de uma agulha entrando na minha espinha e o que eu tinha ouvido sobre os efeitos de quando a anestesia estava passando... não me agradavam muito.
E então tudo aconteceu, perfeito, com calma... Quando eu percebi o Edu já estava do meu lado e eu nem fazia noção do que estava acontecendo do lado de traz aquele pano azul...
E quando a Dr Ana Maria falou: “Vai tirar foto papai ???“
O Edu disse: “Sim“
A Dr. Disse: “então pode vir”
E todos começaram a dizer que ela era cabeluda e linda... e ouvi o chorinho dela.... Eram 21:25 da Noite, na Terça feira, dia 06/05/08 ... Minha Filha Nasceu.
Sophia nasceu linda, maravilhosa eu não fazia idéia de como era bom poder sentir o calor da pele dela na minha...

“Orgulhosa”

Hoje eu sou uma Mamãe muito babona e orgulhosa, minha gata faz 1 aninho... Esperta e Danada, muito danada...
Tudo que passei com ela até hoje, as noites sem dormir, as risadas gostosas... tudo mesmo valeu a pena cada segundo e sempre vai valer.
Sophia Minha Filha Querida...
Quero que você saiba que, você é meu tudo é a dádiva mais perfeita que a vida me deu e agradeço aos céus por ter te trazido pra mim. Seja sempre danada, esperta, inteligente e graciosa do jeito que você é. Te amo D+ meu amor.... te muito mesmo....

“Festa”

E vai rolar a festa, vai rolarrrrr.... Yeeeeeeeh e sábado é a festa de Dona Sophia... com direito a muito doce, bexigas e princesas...

Esta tudo pronto pra sábado... so aguardar o próximo post com fotinhas da festa.
Beijokas.

1 Entenderam...:

Talita Barboza disse...

Que lindo Carlinha!!!! Muito bom entrar aqui e ver tanto amor e carinho!! Parabéns as duas lindonas!! Que seja sempre assim!!!
Um beijo grandeeeeeeee